terça-feira, 8 de agosto de 2017

Entendo o Que é Restituição do ICMS Conta de Luz?


Atualmente a justiça tem concedido a algumas pessoas a Restituição do ICMS conta de luz. Talvez você não saiba, porém na sua conta de energia, é cobrado um ICMS, que normalmente é de 25%.

Pois é, além de você ter que pagar caro por um serviço, o governo ainda te cobra e muito carro por este serviço, sendo assim hoje decidimos falar mais sobre isso. E você, como de costume, está convidado a continuar conosco e saber tudo.

Entendo o Que é Restituição do ICMS Conta de Luz?


Agora, vamos deixar de muito papo e ir direto ao assunto. Por que você não pode perder tempo não é mesmo?


Saiba o que é ICMS

O ICMS foi regulamentado na lei complementar 87/1997, conhecida como Lei Kandir. Segundo a Constituição Federal de 1988, o imposto incide sobre a circulação de produtos como eletrodomésticos, alimentos, serviços de comunicação e transporte intermunicipal e interestadual e poderá ser estabelecido por cada um dos Estados e o Distrito Federal, ou seja, muda de um local para outro.

Na maioria dos casos, ele é embutido no preço – indo de 7%, em caso de alimentos básicos, a 25% naqueles produtos considerados como supérfluos, tais como cigarro e perfumes.

Restituição do ICMS conta de luz

Toda conta de luz tem na média de 25% de ICMS que é cobrado sobre o valor. O governo cobra de maneira indevida e você pode pedir a restituição, portanto você receberá de volta parte desse valor.

Confira o exemplo do calculo do ICMS

  • Data = 06/2015
  • Transmissão = R$ 20,00
  • ICMS transmissão = R$ 20,00 x 25% = R$ 5,00
  • Distribuição = R$ 50,00
  • ICMS distribuição = R$ 60,00 x 25% = R$ 15,00
  • Encargos = R$ 55,00
  • ICMS encargos = R$ 55,00 x 25% = R$ 13,75
  • Subtotal 03/2017 = R$ 2,50 + R$ 12,50 + R$ 13,75 = R$ 28,50
No caso, o seu valor de restituição seria de R$ 28,50.


Se você esta cansado de pagar imposto indevido ao Governo e quer entrar com uma ação judicial para solicitar o reembolso e a retirada do ICMS conta de luz. Clique aqui!

quinta-feira, 25 de maio de 2017

Como Fazer CPF Pela Internet

O CPF, também conhecido como Cadastro de Pessoas Físicas, é um documento muito importante para o cidadão. Hoje é difícil fazer alguma coisa sem ter esse documento, portanto, é indispensável que todos tenham o mesmo.

Acontece que anteriormente o documentário era feito somente nos posto de atendimento presencial, mas hoje ele pode ser solicitado por meio da internet . Quem ainda não sabe usar esse curso online vai aprender como funciona no post de hoje passo a passo

Como Tirar CPF Pela Internet
(Foto: Divulgação) Como Tirar CPF Pela Internet

Os órgãos públicos estão desenvolvendo serviços online para melhor atender o cidadão, o serviço de inscrição do CPF pela internet é um deles e não tem nenhum custo. Entenda como utilizar esse de forma simples e rápida.

CPF Pela Internet


A consulta CPF online é um serviço novo e que veio para substituir a emissão que era feita somente nos postos de atendimento presencial, o que sempre gerou muita fila de espera. Agora com os serviços online fica bem mais fácil obter o seu CPF, aqui você vai descobrir aqui como fazer isso, não tem nenhum segredo.

O primeiro ponto a ser informado é que o serviço é totalmente gratuito, logo você não vai ter nenhum curso para acessar. E além de se inscrever no CPF online você também pode fazer uma consulta do documento que comprove a inscrição e situação do CPF. Esses vocês também fazem a emissão diretamente no site Receita Federal do Brasil

Tirar CPF pela internet nunca foi tão simples, o serviço é bem fácil de ser usado e quem tem internet consegue acessar a qualquer momento. Não se esqueça que você pode posteriormente consultar a situação cadastral, essa consulta permite saber se tem alguma pendência no seu documento, o que é de suma importância também

Como tirar CPF Pela Internet


Entenda como tirar CPF pela internet passo a passo. A descrição do recurso está disponível abaixo. Outro pronto importante a ser mencionado aqui é que você tem acesso a este recurso em qualquer horário do dia, o que também não ocorre nos atendimentos presenciais, cujo horário é mais restrito já pela internet você acessa em qualquer momento, e em qualquer lugar.

• Site da Receita Federal do Brasil: http://idg.receita.fazenda.gov.br/orientacao/tributaria/cadastros/cadastro-de-pessoas-fisicas-cpf

• Nessa página você encontra uma ficha de inscrição com vários dados pessoais;

• Informe todos os dados pedidos de forma correta, principalmente quanto ao seu endereço porque é para ele que será enviado o CPF que você está emitindo;

• Após o preenchimento clique no botão enviar.

Se você quer aprender a consultar spc clique aqui.
Se você quer aprender a consultar serasa acesse o site: www.consultarcpf.online/consulta-serasa/

sexta-feira, 16 de dezembro de 2016

O Que Colocar no Objetivo Profissional do Currículo

Está cada vez mais difícil conseguir o primeiro emprego, ainda mais no cenário de recessão econômica que nosso País enfrenta. Portanto, ter um diferencial e um bom currículo é essencial para que consiga uma vaga numa empresa, de grande ou pequeno porte. Não importa, todas buscam os melhores profissionais da área. Fazer um currículo bem elaborado é um processo demoroso, pois você deve escolher firmemente quais informações estarão disponíveis ao profissional recrutador. Uma dúvida muito comum é: o que colocar no objetivo profissional do currículo? Quer saber a resposta desta pergunta? Leia o artigo abaixo.
O Que Colocar no Objetivo Profissional do Currículo


O que colocar no objetivo profissional do currículo?


Ao construir o seu currículo vitae, é essencial ter em mente que o menos é mais. Portanto, você deve colocar apenas as informações que forem necessárias para os recrutadores.

Inerente: Colocar informações muito amplas podem prejudicar à decisão do profissional à respeito da escolha do trabalhador. Portanto, é recomendado que seja bem específico, com informações diretas. As empresas não olham com bons olhos profissionais que não saibam o que querem.

Tenha um objetivo diferente para cada empresa: Muitas pessoas costumam reciclar o objetivo profissional utilizado para empresa X num currículo destinado para a Y. Isso não é muito benéfico caso queira conseguir uma vaga de emprego. Construa um objetivo diferente para cada empresa diferente em que você envia o currículo. Isto porque cada empresa tem sua forma de avaliação e diferentes missões e valores.

Tenha um currículo diferente para cada empresa: Da mesma forma que o objetivo profissional, o cidadão também deve construir um currículo diferente para cada empresa. Você deve ressaltar suas experiências de acordo com cada empresa.


Está com alguma dúvida sobre o que colocar no objetivo profissional? Diga-nos na área de comentários para que possamos solucioná-los.

domingo, 27 de dezembro de 2015

Alimentos com Baixo Índice Glicêmico Para Diabéticos

Os alimentos que possuem alto índice glicêmico são muito prejudiciais para saúde, não somente de quem tem diabetes, mas para qualquer pessoa. O problema é que no organismo de um diabético esses alimentos acabam sendo três vezes mais prejudiciais, por isso, que é de suma importância que a pessoa saiba quais são os alimentos mais recomendados para serem consumidos quando se tem um problema de saúde como este.

Alimentos com Baixo Índice Glicêmico Para Diabéticos
(Foto: Divulgação) Alimentos com Baixo Índice Glicêmico Para Diabéticos

Diabetes é um problema de saúde muito sério e que compromete a qualidade de vida da pessoa a partir do momento em que ela não se cuida. Depois que o diabetes surge uma série de restrições deve ser seguida e elas estão em grande parte na alimentação diária da pessoa. O alimento ruim é quem adoece o organismo, mas é o alimento bom que vai manter o equilíbrio e a qualidade de vida.

Hoje você vai conhecer um pouco mais sobre quais são os alimentos para diabéticos, informe mais a respeito desse assunto que é de suma importância para qualquer pessoa manter a qualidade de vida que almeja.



Alimentos com baixo índice glicêmico para diabéticos


Conheçam quais são os alimentos com baixo índice glicêmico para diabéticos, procure inclui-los em sua alimentação diária. O mais recomendado é que você procure nutricionista para que ele possa montar um cardápio onde vai conter os alimentos certos para ser consumidos em cada horário do dia.

A partir do momento em que uma pessoa tem diabetes ela precisa manter o equilíbrio nutricional diário. É de suma importância controlar o que você pode e o que você não pode estar comendo. Os alimentos de alto índice glicêmico estão na categoria dos alimentos que devem ser excluídos da rotina alimentar de um diabético.

Esses são os alimentos que contém um baixo índice glicêmico e que, portanto, podem ser incluídos na rotina alimentar de uma pessoa que tem o diabetes:

  • Leite desnatado: contém menos gordura do que o leite integral, ele também tem mais proteína;
  • Maça, damasco seco, cereja, laranja, pera e ameixa: essas frutas são as mais indicadas para diabéticos consumirem, por que ela também tem uma baixa quantidade de açúcar;
  • Alimentos integrais como pães, torradas, e outros: são mais indicados porque possuem menos açúcar e baixo índice glicêmico, o que não aumenta o nível de glicose no sangue;
  • Batata doce: muito comum no mundo fitness, mas ela é uma ótima fonte de carboidrato por que contem baixo índice glicêmico.